expr:class='"loading" + data:blog.mobileClass'>

sexta-feira, 22 de maio de 2009

JOÃO BÉNARD DA COSTA - CHAMADO HOJE PARA OUTRA GRANDE JORNADA NO ALÉM UM DOS HOMENS MAIS CULTOS DO CINEMA MUNDIAL



.

Falei com ele algumas vezes - na década de oitenta . A última vez foi por altura da projecção de um filme sobre o Vale do Côa - Côa, la reviére, apresentado em finais de 2007, na Cinemateca Nacional

Fiz-lhe algumas fotografias e dirigi-lhe o convite para um dia se deslocar a um dos sítios deste concelho. Tinha então acabado de conversar com a Ministra da Cultura, Isabel Pires de Lima. Disse-me que, se pudesse, teria muito gosto em lá ir. Teve a gentileza de me dar um cartão do seu contacto para lhe enviar (por e-mail) umas imagens do local - e penso que o fiz por altura da Primavera. - Pude então constar, que, naquele homem, cheio de sabedoria pela cultura e pelo cinema (de que, aliás, nunca escondera a enorme paixão - sim, desde aquele já distante dia que falara com ele por razões profissionais - apenas estava fisicamente mais velho, pois conservava a mesma natural sensibilidade, vivacidade e empatia

..
Como se compreenderá, quando nos encontramos com alguém, que admiramos e que nos é simpático, nunca pensamos na sua morte - Apenas lhe desejamos uma longa vida. Mas ninguém pode contrariar o destino...Curiosamente, há uns dias, ao folhear e revisitar umas série de antigas revistas do EXPRESSO, que guardado em minha casa, pois bem, entre as que pus de lado, foi justamente aquela onde agora fui fazer a recolha das imagens com que aqui lhe presto a minha singela homenagem.


.


Como se compreenderá, quando nos encontramos com alguém, que admiramos e que nos é simpático, nunca pensamos na sua morte - Apenas lhe desejamos uma longa vida. Mas ninguém pode contrariar o destino...Curiosamente, há uns dias, ao folhear e revisitar umas série de antigas revistas do EXPRESSO, que guardado em minha casa, pois bem, entre as que pus de lado, foi justamente aquela onde agora fui fazer a recolha das imagens com que aqui lhe presto a minha singela homenagem.



.

"A Cinemateca suspende hoje as suas sessões, retomando a programação normal na segunda-feira.“

“João Pedro Bénard da Costa (Lisboa, 7 de Fevereiro de 1935 - 21 de Maio de 2009), professor e historiador português.” http://www.hardmusica.pt/noticia_detalhe.php?cd_noticia=1916



.

Morreu João Bénard da Costa « Ana Larcher



Semanário Expresso, 10 de Fevereiro de 1990. - Recortes extraídos de um artigo de M.S. Fonseca ( com imagens de Clara Azevedo) escrito por ocasião do lançamento do livro - OS FILMES DA MINHA VIDA. OS MEUS FILMES DA VIDA, de autoria de João Bénard da Costa

Faleceu hoje aos 74 anos. Divulgador de cinema, director da Cinemateca
Portuguesa desde 1991, Bénard da Costa nasceu a 7 de Fevereiro de 1935.

No lide do Expresso, de há 19 anos, lê-se o seguinte texto:


Profissão: cinéfilo.
Última expressão duma maneira apaixonada de viver
o cinema, marcada pela nostalgia de uma "aristocracia
da cultura" de massas: as crónicas de Bérnard da Costa
reunidas em livro

.

Nenhum comentário: