expr:class='"loading" + data:blog.mobileClass'>

segunda-feira, 26 de julho de 2010

TREINADOR CARLOS QUEIROZ - LEVA CHUTO AMIGÁVEL E MOLE - MADAIL TEM BOM CORAÇÃO, PREFERE MANDÁ-LO EMBORA EM PAZ E SEM O CHUTÃO MERECIDO


ELE TEM PINTA MAS A PROFISSÃO QUE LHE SERIA MAIS ADEQUADA É TALVEZ A DE LIMPADOR DE CHAMINÉS - É MIOPE DE VISTAS E DE CACO

Não foi nada que não previsse - Queiroz é mau como treinador e como pessoa. Já o disse neste blogue várias vezes. Ainda se ao menos fosse inteligente, mas a única coisa que tem - e de que se serve - é da sua aparência. Vale-se um pouco da imagem. Que terá cultivado, na ex-Lourenço Marques, em contacto com os camones do apartaide - da então colónia rebelde Britânica.. Além disso, um professor de educação física, nunca descura as aparências nem o cabedal. Por isso, para quem não lhe conheça as manhas e o mau substrato, até parece um Senhor Doutor.bem parecido e respeitável. Engana muita gente - a mim nunca me enganou. Nunca disse bem dele, porque nunca lhe reconheci qualidades, dignas de elogio e de apreciação. É pena que só agora se tenham dado conta de que o tal rei vai nu - ou antes, andou sempre nu. Só não o viu nu, quem lhe ia aparando a lábia. Carlos Queiroz apura Irão e insulta técnico coreano

.

Cristiano Ronaldo - e, afinal, todos os jogadores da selecção nacional - já podem respirar de alívio: o moçambicano Carlos Queiroz, vai sair tranquilamente pela porta do cavalo, sem pompa nem circunstância. A porta da frente, essa, ser-lhe-á apenas reservada para ele se apresentar no Gabinete de Gilberto Madaíl, onde lhe será comunicada uma proposta da rescisão amigável do seu contrato. Se ele não quiser, claro ainda será pior para os seus interesses, já que não faltam argumentos ( motivos de justa causa) para o porem imediatamente no olho na rua, Mas, o Presidente da Federação Portuguesa de Futebol é um homem de boa formação, de bom carácter, é um beirão (dos quatro costados) caldeado pela dureza do granito mas moldado pelas raízes mais fundas e sãs da mui nobre e heróica gesta Lusitânia. Embora magoado e atraiçoado por Queiroz mas, como não quer descer ao nível e a baixeza do preparador físico e professor de ginástica( ou alguma vez este sujeito teve estaleca para treinador), prefere dar-lhe a oportunidade de abandonar o cargo, com alguma dignidade. Ele não merecia a pesada indemnização que a FPF teve que pagar ao Manchester para ele ser dispensado, foi dinheiro deitado ao lixo. É tal coisa, há erros que se pagam caros - é ocaso. Mas ainda bem que, ao livrarem-se dele, também deixam a porta aberta para uma nova fase nas aspirações da Selecção Portuguesa de Futebol, para a próxima competição: O Campeonato Europeu. Temos bons jogadores, a prata da casa é da mais fina filigrana, o que precisamos é de um bom treinador à altura das aspirações dos atletas e de todos nós. Espero é que não procurem Jesualdo Ferreira o ex-treinador do Futebol Clube do Porto, pois seria mais barrete que descalçávamos para enfiarmos outro.

SE AO MENOS FOSSE ARTISTA E AS SUAS COMÉDIAS TIVESSEM ALGUMA GRAÇA - MAS GRAÇA E ARTE, TINHA O ETERNO CHARLIE CHAPLIN

.

Nenhum comentário: