expr:class='"loading" + data:blog.mobileClass'>

sábado, 29 de novembro de 2014

DUARTE LIMA – não aceita ser responsabilizado sozinho – Denunciou rede e reconheceu os factos para o mandarem tranquilamente para casa – Agora recusa acusação – Queimado no Brasil é já um esqueleto morto que já nem os seus se querem à sombra dele – Queima-se um cadáver mas ganham-se outros trunfos

Duarte Lima reconheceu factos de que é acusado no BPN para o mandarem para casa - Agora recusa a acusação

15/11/2009 - Havia um problema que era se Portugal avançasse muito com os processos, corria o risco de ter de repor metade do dinheiro a Bruxelas" - José Marques Vidal - Acerca do período cavaquista


Lá nisso tem razão: obviamente que não andou a passear-se sozinho pelos corredores e gabinetes do BPN –"À saída do tribunal, Duarte Lima declarou que não aceita ser responsabilizado pela derrocada do BPN e classificou a sua condenação como sendo “brutal, imerecida e injusta”. Duarte Lima: “Não aceito ser responsabilizado pela derrocada do banco”

"Duarte Lima estava em prisão preventiva desde Novembro de 2011 por suspeita da prática dos crimes de burla qualificada, fraude fiscal qualificada e branqueamento de capitais, num caso relacionada com a compra de terrenos em Oeiras com dinheiros do BPN".RTP

Para o safarem da vergonha pública da acusação que pendia (pende) sobre ele sobre o assassino de Rosalina, protegeram-no uns tempos num dos alojamentos de cinco estrelas da Polícia Judiciária - Dizia-se, na altura, que o Caso Lima estava nas mãos do Governo. Nem precisava de estar: na justiça há almas muito religiosas e generosas, que não falham a uma missa, sobretudo se for no domingo de Páscoa. Duarte Lima acusado de matar Rosalina Ribeiro - JN.....Instrução do "caso Rosalina" arranca no final do mês....
Agora vem no calendário da melhor altura: nas jogadas também se sacrificam algumas pedras para se ganharem os ases - Faz-se crer que a justiça funciona: vão ver como num dia destes o devolvem ao seu doce e religioso lar.


DUARTE LIMA - MAS QUE GRANDE VACA! 17/05/2012 “Alteração da medida de coação foi proposta pelo procurador titular do processo, Rosário Teixeira, que considerou ser ajustada a prisão domiciliária, tendo esta sido deferida pelo juiz do Tribunal Central de Instrução Criminal. 
O advogado de Duarte Lima disse hoje estar satisfeito com a atenuação da medida de coação agora decidida, mas considera ainda "excessiva" a prisão domiciliária aplicada ao ex-deputado do PSD Duarte Lima satisfeito com prisão domiciliária - Sociedade - Sol

Podem contar-se pelos dedos os crimes de colarinho branco que foram parar atrás das grandes ou que permaneceram por lá muito tempo – Duarte lima reconheceu alguns factos de que é acusado no processo do BPN o que levou o procurador titular do processo, Rosário Teixeira, a requerer a alteração da medida de coação de prisão preventiva para prisão domiciliária com vigilância eletrónica  


 CASO DUARTE LIMA ESTEVE NAS MÃOS DO GOVERNO OU DOS JUÍZES? CM: «Caso Lima nas mãos do Governo» FOSSE COMO FOSSE, MANDARAM-NO  PARA SUA CASA, ENCANTADO DA VIDA Duarte Lima satisfeito com prisão domiciliária - 

DEPOIS DE PASSAR UMAS FÉRIAS DE RECOLHIMENTO QUE ATÉ IRRITARAM OS VIZINHOS..Luxos de Lima irritam reclusos

Seis meses depois do M:P ter pedido a condenação de Duarte Lima 30/06/2014 -Ministério Público pede condenação para Duarte Lima - RT

O advogado de Duarte Lima, Soares da Veiga, classificou como  “pesadíssima” a pena aplicada ao seu cliente, tendo também apontado erros ao acórdão. Sublinhou, porém, que apesar de tudo o antigo dirigente do PSD foi ilibado de alguns dos graves crimes económicos pelos quais respondeu.
 “Os juízes fizeram uma confusão pouco justificada entre o preço e o valor das coisas, quando o elemento típico do crime de burla é o valor e não o preço”, comentou por seu turno o advogado do sócio de Duarte Lima, Paulo Sá e Cunha.






RTP-  18/05/2012  A maior rede de lavagem de dinheiro em Portugal. Ainda estão a ser ouvidos os quatro suspeitos de controlarem uma rede suíça de branqueamento de capitais e fraude fiscal. A operação Monte Branco detectou uma fraude que pode chegar aos mil milhões de euros. A rede era tutelada por um suiço, ex-diretor do banco UBS e mais três cidadãos portugueses. Entre os clientes que beneficiavam dos esquemas ilícitos destas operações financeiras está alegadamente Duarte Lima. Detectada fraude de mil milhões com alegada ligação a Duarte Lima


Duarte Lima - para o safarem da vergonha pública da acusação que pendia (pende) sobre ele sobre o assassino de Rosalina, protegeram-no uns tempos num dos alojamentos de cinco estrelas da Polícia Judiciária - Dizia-se, na altura, que o Caso Lima estava nas mãos do Governo. Nem precisava de estar: na justiça há almas muito religiosas e generosas, que não falham a uma missa, sobretudo se for no domingo de Páscoa. Duarte Lima acusado de matar Rosalina Ribeiro - JN.....Instrução do "caso Rosalina" arranca no final do mês....

Duarte Lima terá denunciado(?) rede de lavagem a troco da mudança para prisão domiciliária – Brinde ou espetáculo! 
Tudo isto soa a estranho ou a estratégia: no mesmo dia em que soltam, Duarte Lima, eis que os telejornais são inundados com noticias bombásticas, de que, afinal, Duarte Lima, teria colaborado a troco da denúncia de uma gigantesca fraude em que ele próprio estaria envolvido – Por isso mesmo, fica logo perdoado.
E porquê a noticia naquele dia?!... Mais um espetáculo mediático da nossa justiça. Tudo começa com grande parangonas e acaba em águas de bacalhau – Agora, ao que parece, já houve um juiz que entendeu que já bastava de circo e o tramou – Mais de que queimado por acusação de homicídio, pelos vistos, sendo já esqueleto velho, já nem aos seus interessa a sua sombra.

".

O CLAN DUARTE LIMA E A CRONOLOGIA 
1- A partir de 2008 torna-se evidente que a operação Face Oculta foi redireccionada pela investigação e pelos Media para passar a visar principalmente Sócrates. Era preciso derrubar Sócrates e mudar de governo, porque havia gigantescos interesses em jogo e, em particular, o caso BPN prometia dar cabo do PSD.

2. Das fraudes do BPN ignora-se ainda hoje a maior parte. Trata-se de uma torrente de lama inesgotável, que todos os nossos Media evitam tocar.

 3. O agora falado caso IPO/Duarte Lima, de que Isaltino também foi uma peça fulcral, nem foi sequer abordado durante o Inquérito Parlamentar sobre o BPN, inquérito a que o PSD se opôs então com unhas e dentes, como é sabido. A tática então escolhida pelo polvo laranja foi desencadear um inquérito parlamentar paralelo, para averiguar se Sócrates estava ou não a “asfixiar” a comunicação social ! Mais uma vez, uma produção de ruído para abafar o caso BPN e desviar as atenções.

 4. Mas é interessante examinar como é que o negócio IPO/Lima foi por água abaixo.
5. Enquanto Lima filho, Raposo e Cia. criavam um fundo com dezenas de milhões , amigavelmente cedidos pelo BPN de Oliveira e Costa, Isaltino pressionava o governo para deslocar o IPO para uns terrenos de Barcarena, concelho de Oeiras. Isaltino comprometia-se a comprar os terrenos (aos Limas e Raposo, como sabemos hoje) com dinheiro da autarquia e a “cedê-los generosamente” ao Estado para lá construir o IPO.
Fazia muito jeito que fosse o município de Oeiras a comprar os terrenos e não o ministério da Saúde, porque assim o preço podia ser ajustado entre os amigos vendedores e compradores, quiçá com umas comissões a transferir para a Suíça.

6. Duarte Lima tinha sido vogal da comissão de ética (!) do IPO entre 2002 e 2005, estava bem dentro de todos os assuntos e tinha ótimas relações para propiciar o negócio. Além disso, construiu a imagem de homem que venceu o cancro, história lacrimosa com que apagava misérias anteriores. O filho e o companheiro do PSD Vítor Raposo eram os escolhidos para dar o nome, pois ao Lima pai não convinha que o seu nome figurasse como interessado no negócio.

7. Em Junho de 2007 Isaltino dizia ainda que as negociações para a compra dos terrenos em causa estavam "em fase de conclusão" (só não disse nunca foi a quem os ia comprar, claro). E pressionava o ministro da Saúde: "Se se der uma mudança de opinião do governo, o cancelamento do projeto não será da responsabilidade do município de Oeiras."
8. Como assim, "mudança de opinião do governo"?

 9. Na verdade, Correia de Campos apenas dissera à Lusa que o governo encarava a transferência do IPO para fora da Praça de Espanha e que estava a procurar um terreno, em Lisboa ou fora da cidade, para esse efeito. Nenhuma decisão tinha sido tomada, nem nunca o seria antes das eleições para a Câmara de Lisboa, que iam realizar-se pouco depois, em Julho de 2007.

 10. No decorrer do ano de 2007, porém, a Câmara de Lisboa, cuja presidência foi conquistada por António Costa, anunciou que ia disponibilizar um terreno municipal para a construção do novo IPO no Parque da Bela Vista Sul, em Chelas, Lisboa. Foi assim que se “lixou” o projeto Lima-Isaltino: o ministro Correia de Campos não cedeu às pressões de Isaltino e a nova Câmara de Lisboa pretendia que o IPO se mantivesse em Lisboa. Com Santana à frente da autarquia e um ministro da Saúde do PSD teria tudo sido muito diferente. E os Limas e Raposos não teriam hoje as chatices que se sabe. E Duarte Lima até talvez já tivesse uma estátua no Parque dos Poetas do amigo Isaltino.

11. Sabemos como, alguns meses depois deste desfecho, o ministro Correia de Campos foi atacado por Cavaco no discurso presidencial de Ano Novo, em 1 de Janeiro de 2008. Desgostado com as críticas malignas do vingativo Presidente, Correia de Campos pediu a sua demissão ainda nesse mês. Não sabemos o que terá levado Cavaco a visar dessa maneira um ministro do governo Sócrates, por sinal um dos mais competentes. Que Cavaco queria a pele de Correia de Campos, foi bem visível. Ele foi a causa do fracasso do projecto do IPO/Oeiras e dos prejuízos causados ao clan do seu amigo Duarte Lima e ao polvo laranja (ª).In "O POLVO" E A OPERAÇÃO FACE OCULTA COM RABO DE FORA


Cavaco Silva sempre protegeu os seus; sempre veio em sua defesa. E também sempre negou que não teve quaisquer negócios com o banco que os seus ex-ministros fundaram, sob a sua inspiração. 
"O Presidente da República garantiu não ter quaisquer razões para duvidar da palavra do conselheiro de Estado, Dias Loureiro, já que este lhe garantiu solenemente não ter cometido nenhuma irregularidade nas várias funções empresariais que exerceu"..Cavaco Silva não tem razões para duvidar de Dias Loureiro - RTP.


AINDA NINGUÉM FOI CONDENADO -E O PROCESSO DO PRINCIPAL ARGUIDO CONTINUA ADIADO, TODAVIA, O PROCURADO JORGE ROSÁRIO TEIXEIRA, JÁ VEIO DIZER  QUE " A JUSTIÇA FUNCIONOU NO CASO DO PROCESSO BPN"
16/11/2011 Procurador diz que justiça funcionou no processo do BPN, Jorge Rosário Teixeira considera que, apesar da demora de vários anos, o importante é que o caso tenha ido a julgamento País - Procurador diz que justiça funcionou no processo do BPN .

O CAVAQUISMO ESTÁ RECHEADO DE ESCÂNDALOS...TUDO EM FAMÍLIA E NA PAZ DOS ANJOS...

Caso Costa Freire volta à estaca zero -  Voltou à estaca zero- 15 anos depois - e nunca mais se falou - E o Caso PPN - deve ir pelo mesmo caminho - Costa Freire e Zezé Beleza foram condenados mas a sentença era inconstitucional. Os crimes prescreveram Escândalos da Democracia

UNS FELIZARDOS, AOS QUAIS NUNCA FALTAM BONS TACHOS  Costa Freire: Ganha 502 mil ...Catroga na EDP com salário milionário -..