expr:class='"loading" + data:blog.mobileClass'>

segunda-feira, 1 de maio de 2017

RECORDAÇÕES DE UM LINDO DIA DA PRIMAVERA - EQUINÓCIO 20 DE MARÇO, 07.10 (TMG) 2011 - É QUASE VERÃO MAS VALE A PENA VOLTAR AO INÍCIO DA ESTAÇÃO


MEMORIES OF A BEAUTIFUL SPRING DAY - MARCH EQUINOX 20, 07:10 (GMT) 2011 - SUMMER IS ALMOST BUT WORTH IT BACK TO THE BEGINNING OF THE SEASON.

Ah querem uma luz melhor que a do sol! Querem.

Ah querem uma luz melhor que a do sol!
Querem campos mais verdes que estes!
Querem flores mais belas que estas que vejo!
A mim este sol, estes campos, estas flores contentam-me.
Mas, se acaso me descontento,
O que quero é um sol mais sol que o sol,
O que quero é campos mais campos que estes prados,
O que quero é flores mais estas flores que estas flores —
Tudo mais ideal do que é do mesmo modo e da mesma maneira!

.

Aquela coisa que está ali estava mais ali que ali está!
Sim, choro às vezes o corpo perfeito que não existe.
Mas o corpo perfeito é o corpo mais corpo que pode haver,
E o resto são os sonhos dos homens,
A miopia de quem vê pouco,
E o desejo de estar sentado de quem não sabe estar de pé.
Todo o cristianismo é um sonho de cadeiras.

.

E como a alma é aquilo que não aparece,
A alma mais perfeita é aquela que não apareça nunca —
A alma que está feita com o corpo
O absoluto corpo das coisas,
A existência absolutamente real sem sombras nem erros
A coincidência exata (e inteira) de uma coisa consigo mesma.

Alberto Caeiro [12-4-1919]. Fernando Pessoa

.

.

Nenhum comentário: