expr:class='"loading" + data:blog.mobileClass'>

terça-feira, 26 de fevereiro de 2019

CDS exige respostas do Governo sobre atrasos nas pensões” – Os que mais cortes fizeram aos pensionistas, arvorados em salvadores - Se a dupla Passos e Portas, fossem governo, vejam só: PSD/CDS querem gastar menos 600 milhões em pensões em 2016. Planos para a próxima legislatura incluem menos 600 milhões de despesa com pensões em 2016. Até onde vai o despudor de um partido, inimigo visceral do Estado, que só confia nos banqueiros sacadores, que depois de desviarem milhões para os Offshore, vêm pedir ao Estado para lhes taparem os saques.

JORGE T MARQUES - JORNALISTA - INFORMAÇAO E ANÁLISE  

VAMPIROS ARVORADOS EM CORDEIROS   -  CDS acusa Governo de nunca responder sobre atrasos nas pensões .. “Centristas já vão em quatro perguntas ao Governo, sem resposta, sobre o assunto das pensões. Vão levar caso à conferência de líderes  CDS-PP concorda com corte de 600 milhões nas pensões 


É inaceitável que o Governo não nos responda”, disse ao PÚBLICO o deputado Filipe Anacoreta Correia, lembrando que, de acordo com o Regimento da Assembleia da República, o executivo tem 30 dias para responder a perguntas enviadas através do Parlamento e que nunca o fez desde 2016. Ontem, o PÚBLICO escrevia que a Provedoria de Justiça recebeu 920 queixas, em 2018, por atrasos na atribuição de pensões, três vezes mais do que as reclamações recebidas no ano anterior.

O deputado do CDS-PP, que integra a Comissão Parlamentar de Trabalho e de Segurança Social, refere que chegam à sua bancada “relatos de pessoas que estão um ano à espera da pensão e isso é dramático para a sua vida”. http://publico.newspaperdirect.com/epaper/viewer.aspx


SE FOSSEM GOEVRNO, VEJA-SE O ROUBO AOS PENSIONISTAS 

PSD/CDS querem gastar menos 600 milhões em pensões em 2016. Sobretaxa desaparece em 2019  -  Planos para a próxima legislatura incluem menos 600 milhões de despesa com pensões em 2016. Sobretaxa e salários públicos repostos apenas em 2019. Excedente orçamental deverá previsto para 2019.


O Governo quer manter os cortes salariais na Função Pública no próximo ano, apesar de o Tribunal Constitucional ter chumbado a continuação dos cortes além deste ano, com uma ‘devolução’ de 20% ao ano, que era o previsto antes de ser chumbada a medida. 

Passos e Portas propõem a Costa cortes nas novas pensões Líder do PS não desistiu da ideia de um Governo de esquerda.

Ao que o CM apurou, a coligação PSD/CDS considera que o défice da Segurança Social tem de ser resolvido com soluções que permitam reduzir a despesa e aumentar a receita: por um lado, admite-se a possibilidade de reforçar o atual fator de sustentabilidade, que este ano é de 13,02%, reduzindo a despesa através de um corte mais elevado nas novas pensões; por outro, admite-se a diversificação das fontes de receita como meio de dotar o sistema de mais verbas. Uma das novas fontes de financiamento das pensões poderá passar pelo aumento da taxa do IVA social, que é aplicada sobre a receita total do IVA: em causa está a possibilidade de afetar uma parte das verbas do IVA social ao financiamento das reformas, o que agora não acontece.  Ler mais em: https://www.cmjornal.pt/politica/detalhe/passos_e_portas_propoem_a_costa_cortes_nas_novas_pensoes

A vice-presidente da bancada do CDS-PP Cecília Meireles concordou hoje com o corte de 600 milhões nas pensões que o Governo anunciou, argumentando que há um problema de sustentabilidade, e também não adiantou como pretende fazê-lo

"Em relação às pensões, há uma questão de sustentabilidade que tem que ser resolvida e aquilo que está previsto no documento corresponde exactamente àquilo que o primeiro-ministro tinha falado já há um ano e que esperemos que seja possível chegar a um compromisso com o principal partido da oposição", declarou Cecília Meireles aos jornalistas, no parlamento.https://sol.sapo.pt/artigo/386418/cds-conc


PARTIDO DE ASSUNÇÃO CRISTAS  - A  HIPOCRISIA  DOS BOIS DA BURGUESIA SEM ESCRÚPULOS  - “ COM LISBOA DESERTA E HABITADA PELOS RICOS - FOI ASSIM QUE A CRISTAS LOGROU BONS RESULTADOS EM LISBOA - Pressão do turismo gera "praga de despejos". Quem insiste em ficar, sofre várias formas de pressão dos senhorios. Resultado: pânico, depressão e baixas médicas. A Câmara de Lisboa pede revisão da lei das rendas.

 Pedro Mota Soares: "O Estado não tem vocação para gerir instituições sociais"



Pedro Mota Soares,  o de ministro da Solidariedade e Segurança Social - revela-se como um dos melhores membros do actual governo. Percebe-se que faz ‘das tripas coração’: demonstra qualidade e rigor na distribuição dos dinheiros que possui na tentativa de ser  eficaz no socorro social imediato porque tem a lucidez de perceber as dificuldades que cada vez mais portugueses encontram neste momento de crise aguda.
A entrevista ao ‘i’ online sob o título «O Estado não tem vocação para gerir instituições sociais» é reveladora disto mesmo: http://http//www.ionline.pt/portugal/pedro-mota-soares-estado-nao-tem-vocacao-gerir-instituicoes-sociais




Hospitais proibidos de contratar médicos e enfermeiros Para favorecem interesses privados: com uma empresa que, em Setembro se deu a este luxo de despedir Mais de 20 enfermeiros dispensados com justificação de exigências da troika. Para depois os admitir a trabalho escravo


CORREIO DA MANHÃ DA COFINA TEM CAPITAIS ANGOLANOS -Angolanos da Newshold reforçam capital na Cofina para 15 ... LEMBRE-SE DE QUE EM ANGOLA HÁ MILHÕES QUE SOFREM CARÊNCIAS EXTREMAS, ENQUANTO A BURGUESIA ESBANJA NOS JORNAIS EM PORTUGAL PARA SILENCIAR A RAPINA DE LÁ E CÁ


Ministra das Finanças diz que nos planos a enviar para Bruxelas constará uma medida que prevê uma poupança de 600 milhões de euros com "pensões públicas".
16/04/2015 - Se depender do actual Governo, em 2016 os pensionistas voltarão a enfrentar cortes no valor das suas reformas. A ministra das Finanças diz que não tem ainda um modelo definido, mas já tem uma estimativa de poupança: ao todo, serão 600 milhões de euros por ano. http://www.jornaldenegocios.pt/economia/seguranca-social/detalhe/governo_insiste_em_cortar_pensoes_em_2016
PSD/CDS querem gastar menos 600 milhões em pensões em 2016. Sobretaxa desaparece em 2019
16/4/2015, Planos para a próxima legislatura incluem menos 600 milhões de despesa com pensões em 2016. Sobretaxa e salários públicos repostos apenas em 2019. Excedente orçamental deverá previsto para 2019.
O Governo quer manter os cortes salariais na Função Pública no próximo ano, apesar de o Tribunal Constitucional ter chumbado a continuação dos cortes além deste ano, com uma ‘devolução’ de 20% ao ano, que era o previsto antes de ser chumbada a medida.
 Se o PSD ganhar as eleições, ainda não será em 2016 que os funcionários das administrações públicas e das empresas públicas vão receber os seus salários por inteiro. A garantia foi dada pela ministra das Finanças, Maria Luís Albuquerque, na conferência de imprensa após a reunião do Conselho de Ministros de hoje, onde foi aprovada a atualização do Programa de Estabilidade e Crescimento que será enviado para Bruxelas. http://observador.pt/2015/04/16/governo-quer-manter-cortes-salariais-chumbados-pelo-tc-no-proximo-ano/    PSD/CDS querem gastar menos 600 milhões em pensões em 2016 ...

Um tal ministro que deu várias voltas ao mundo em bons hotéis e à custa do Zé- O resto é cantiga à Portas  ...Buraco milionário nos submarinos ...Submarinos ajudam a afundar o défice ....Paulo Portas pagou 30 milhões a mais pelos submarinos -...Submarinos: alemães não ficaram a ganhar, diz Portas ..
Tribunal declara inconstitucionais os cortes nas pensões de aposentação e de sobrevivência já pagas pela CGA, mas não nas pensões futuras. Parlamento - Cortes serão aplicados nas pensões a pagamento
CDS concorda com corte de 600 milhões nas pensõeses


POLÍTICO QUE SE PREZE USA O FACEBOOK  - ARTISTA QUE SE PREZE NUNCA SE DEIXA FINTAR - ENTÃO LOGO O HABILIDOSO RELVAS, O TAL DAS VIAGENS FANTASMAS E DAS MORADAS FICTICIAS!


"Político que não perceba a importância do facebook, que todas as redes sociais hoje têm, é um politico que está desactualizado, eu diria que é um político que está condenado ao fracassoMiguel Relvas - Pela Boca Morre o Peixe | humor.bizzarru.com ...  

 São estes cabutinos que querem a RTP "10.000.000 Euros ( Dez milhões de Euros) na COFINA de Paulo Fernandes, Correio da Manhã (...)"Mais se informa que a sociedade Pineview Overseas, S.A., com sede na Cidade do Panamá,República do Panamá, com o capital social de USD 10.000 ( dez mil dólares), Matriculada noRegisto Público do Panamá sob o número 550993, documento 1066143, detém 91,25% do capital social e dos direitos de voto da Newshold, porquanto é imputada à Pinevew Overseas, S.A. a referida participação social detida pela Newshold na Cofina.COMUNICADO - Cofina...Empresa offshore Pineview Overseas, dona da Newshold, é toda da família Madaleno ........Madalenos fazem tremer Governo de Angola -

POLÍTICO QUE SE PREZE USA O FACEBOOK  - ARTISTA QUE SE PREZE NUNCA SE DEIXA FINTAR - ENTÃO LOGO O HABILIDOSO RELVAS, O TAL DAS VIAGENS FANTASMAS E DAS MORADAS FICTICIAS!


"Político que não perceba a importância do facebook, que todas as redes sociais hoje têm, é um politico que está desactualizado, eu diria que é um político que está condenado ao fracassoMiguel Relvas - Pela Boca Morre o Peixe | humor.bizzarru.com ...  

 São estes cabutinos que querem a RTP "10.000.000 Euros ( Dez milhões de Euros) na COFINA de Paulo Fernandes, Correio da Manhã (...)"Mais se informa que a sociedade Pineview Overseas, S.A., com sede na Cidade do Panamá,República do Panamá, com o capital social de USD 10.000 ( dez mil dólares), Matriculada noRegisto Público do Panamá sob o número 550993, documento 1066143, detém 91,25% do capital social e dos direitos de voto da Newshold, porquanto é imputada à Pinevew Overseas, S.A. a referida participação social detida pela Newshold na Cofina.COMUNICADO - Cofina...Empresa offshore Pineview Overseas, dona da Newshold, é toda da família Madaleno ........Madalenos fazem tremer Governo de Angola -
.


Nenhum comentário: