expr:class='"loading" + data:blog.mobileClass'>

quarta-feira, 19 de fevereiro de 2020

39ª Edição da Festa da Amendoeira nas 17 freguesias do concelho de V.N. de Foz Côa – De 21 de Fevereiro a 8 de Março – Freixo de Numão é uma das mais antigas e populosas freguesias, onde igualmente o património histórico se entrelaça em perfeita harmonia com as belezas naturais da terra. – Não perca um maravilhoso passeio pela região da chamada “Terra Quente” – Onde a Primavera floresce mais cedo.

 Jorge Trabulo Marques - Jornalista, natural deste concelho




Vem aí a  39ª Edição da Festa da Amendoeira em Flor de Vila Nova Foz Côa, entre 21 de fevereiro e 8 de março, em que a Natureza é uma festa, como que antecipando a chegada da Primavera, cujos eventos atraem milhares de pessoas, decorre de 21 de Fevereiro a 8 de marco e conta com um cartaz variadíssimo, entre concertos e  espetáculos ao vivo, como a exibição de Carolina Deslandes, Bárbara Bandeira, Matay, Rouxinol Fagundo e os Djs Wilson Honrado e João Amaral todos com entrada livre, além dos passeios de ciclo-turismo e de Todo o Terreno, em cujos percursos os participantes poderão pode deslumbrar-se  com a beleza das paisagens cobertas de Amendoeiras em Flor que prendam os que visitam Vila Nova de Foz Côa
Tal como é sublinhado  pelo município fozcoense “as amendoeiras em flor, nesta época do ano, atraem milhares de turistas ao concelho de Vila Nova de Foz Côa”, terras de dois Patrimónios da Humanidade: o Património Arqueológico do Vale do Côa, o Património Vinhateiro do Douro, com os melhores vinhos de Portugal, abrangido também por este concelho, além das visitas habituais aos núcleos das gravuras rupestres, ao Museu do Côa, Museu do Sítio da Ervamoira e ao Museu  Casa Grande de Freixo de Numão e ao Castelo de Numão 

De um modo geral, todas as 17 freguesias deste Concelho, são possuidoras de  importante património arqueológico, arquitetónico e paisagístico; quer pela rota da margem esquerda  do Côa, Castelo Melhor a Almendra, assim como pela margem direita,  Santa Comba, Chãs (os seus calendários pré-históricos e as gravuras da Quinta da Barca), Muxagata, bem como as restantes aldeias que se debruçam sobre o Douro, designadamente, Freixo de Numão, Numão, Cedovim, Horta do Douro, Custóias, Murça,  Mós, Numão, Santo Amaro, Sebadelhe, Seixas, Touça.

FREIXO DE NUMÃO - A MAIS POPULOSA FREGUESIA, ALÉM DA DA SEDE DO CONCELHO 

No vasto programa - que poderá consultar ao fundo deste post  -, como não podia deixar de ser. também se inclui a freguesia de Freixo de Numão, 29 | Sábado  14H30 | Passeio pela História, Sentir o Local Castelo de Numão –  J.F. de Numão , além da atuação da Banda Filarmónica,  no dia 7 de Março às 14 horas,  junto à sede da Junta de Freguesia de Muxagata, e, naturalmente, dia 8, na pelas ruas da cidade de Foz Côa, integrada no desfile etnográfico



É a freguesia mais populosa do concelho de Vila Nova de Foz Côa, com um passado arqueológico  antiquíssimo, de que existem abundantes vestígios de ocupação humana, desde o neolítico, calcolítico, idade do bronze à romanização,  com uma população acolhedora e comunicativa, onde o visitante pode encontrar vários circuitos de interesse – Graças ao labor e entusiasmo do  arqueólogo e historiador, Prof.António Sá Coixão, natural desta aldeia (classificada como vila), com trabalhos de investigação que remontam ao inicio da década de 80, mas não só nesta freguesia como noutros pontos do concelho e da região, logrando pôr a descoberto  sítios e centenas de material lítico da maior relevância histórica


De resto, profusamente testemunhado através de várias publicações de sua autoria, gozando por isso da maior estima, prestigio  e admiração, quer das gentes da sua terra e do concelho, em todo o distrito da Guarda, mas também  junto da comunidade cientifica e estudiosos – Assim o diz, por exemplo, Paula Matos dos Santos, num elogioso artigo publicado no jornal Pessoas e Lugares

08/10/2010- "Há mais de 20 anos, ainda ninguém sonhava com as gravuras paleolíticas do Côa, e já este homem calcorreava a região em busca de vestígios do passado. Depois do curso (História), na Faculdade de Letras do Porto, António Sá Coixão regressa às origens - a Freixo de Numão, uma pequena aldeia do concelho de Vila Nova de Foz Côa - , cheio de ideias. Várias batidas de campo, ainda enquanto estudante, começaram a alimentar um projecto. Depois, como ele próprio confessa, foi uma questão de arrancar. "Quando o projecto começou, em 1980, estava longe de sonhar que iriam ser descobertas as gravuras rupestres no Côa. A associação (Associação Cultural, Desportiva e Recreativa – ACDR - de Freixo de Numão) surge quase a reboque da própria actividade arqueológica que aqui já se desenvolvia com um grupo de jovens. E, também, da necessidade de criar um organismo que começasse a apoiar essas iniciativas porque a título individual era muito difícil. Aliás, ainda hoje o é. Mas na altura, era quase impossível obter quaisquer apoios financeiros. Os jovens entusiasmaram-se, e a partir daí..


Atrás da investigação arqueológica, veio o futebol, a banda, e a associação foi crescendo e, rapidamente, os objectivos da sua fundação foram ultrapassados. António Sá Coixão até costuma dizer que a ACDR é uma escola em formação contínua de dirigentes, considerando-se ele próprio um "agente de desenvolvimento local". "Para mim, desenvolvimento local é motivar os agentes locais mas, primeiro, é ser motivador dos agentes locais". Mas neste caso, como em tantos outros, o mais importante é o rosto do projecto. E quando os projectos são identificados com um rosto e este com aqueles... é tudo mais fácil. Naturalmente, convicção, empenho, alma e alguma carolice – predicados que assentam como uma luva ao professor de Freixo de Numão - também ajudam. – Excerto de  Portfolio: António do Nascimento Sá Coixão - "As gravuras ...

A FANTÁSTICA SURPRESA QUE ESPERA O VISITANTE CURIOSO DE VIAJAR AO PASSADO DISTANTE E ÁVIDO DO PRAZER DE CONTEMPLAR BELAS PAISAGENS   


No texto seguinte, do qual reproduzimos  um excerto,  dá-lhe algumas dicas importantes – “Freixo de Numão, uma aldeia do concelho de Vila Nova de Foz Côa. Num planalto, rodeada de montanhas verdes e com o rio Douro ao fundo, este é um local de rara beleza que é um encanto para os sentidos. As vinhas a perder de vista e o casario de granito, rude tal como o chão, são também marcas da aldeia de Freixo de Numão. O aglomerado de casas muito juntinhas destaca-se no enquadramento verde que rodeia a população. Aqui a aposta é no vinho de qualidade que sai destes terrenos.


Está tudo a postos? Então prepare-se para uma visita prolongada a Freixo de Numão. É que além da arquitetura local, que pode observar nas casas e ruas empedradas, há espaços verdes para descobrir e ainda o Museu da Casa Grande para visitar. Depois de um passeio pela aldeia, em que descobrirá as características rurais mas também diversos edifícios nobres, trace a pé o Percurso Pedestre do Circuito Arqueológico. As minas de volfrâmio, o sítio arqueológico da Coladreira e o sítio arqueológico do Rumansil estão ali a dois passos e são testemunhos da passagem do tempo por este local. De diversos pontos da aldeia pode também usufruir de miradouros que oferecem uma deslumbrante paisagem, enquanto se vai cruzando com outros edifícios de interesse, como a Fonte da Bica, a Fonte da Carvalha, o Moinho das Regadas, o Pelourinho, a Ponte sobre a Ribeira de Teja, o Castelo Velho, o Núcleo Museológico Casa Moutinho, o Tanque do Sapo, a Casa de Fidalgos, a Casa de Cristão Novo, ou a antiga Casa da Justiça. Leis os demais pormenores em F
reixo de Numão - Aldeias de Portugal

PROGRAMA

FEVEREIRO  21 | SEXTA FEIRA - 21H30 | Abertura Oficial | Stand Up Comedy com HUGO SOUSA  Auditório do Centro Cultural
22  SÁBADO 09H00 | Montaria das Amendoeiras em Flor 2020 Clube Caça e Pesca de V.N. Foz Côa - 21H45 | MATAY  Praça do Município 23H00 | DJ JOÂO AMARAL Praça do Município -
23 | DOMINGO 09H00 | Montaria em Flor 2020 Clube Caça e Pesca de Almendra 09H00 | XIX Passeio Pedestre das Mós Sede da ACR d´As Mós 09H00 | XXXII - Passeio de Cicloturismo  ACCÔA + J.F de Almendra + J.F. de Castelo Melhor  | Praça do Município 09H00 | Rota das Amendoeiras - Passeio em 2 Rodas  Mcbonellifozcoariders | J.F. de Numão | J.F. de Touça 09H30 | Das Seixas à Quinta do Vesúvio Pelos Socalcos do Douro Ass. Causas e Contextos - Largo do Terreiro – Seixas 15H00 | Tertúlias de Pão Tradicional e Incursões ao Museu da Telha J.F. de Touça  15H00 | Free Style Motard  Mcbonellifozcoariders | Estação de Camionagem 15H00 | Concerto de Guitarra do Conservatório de São José da Guarda Freguesia de Custóias | Igreja Matriz  18H00 | Brass Band | Guitarras do Côa Freguesia de Sta. Comba | Igreja Matriz 

 24 | SEGUNDA FEIRA 21H00 | Brass Band e Orquestra Sinfónica
Auditório do Centro Cultural
 25 | TERÇA FEIRA 16H00 | Guitarras do Côa
Freguesia de Touça | Salão da Junta de Freguesia
 27 | QUINTA FEIRA 09H30 | Um Percurso, Dois Patrimónios
Quinta do Vale Meão | Museu do Côa Inscrições na Fundação do Côa
 14H00 | Um Percurso, Dois Patrimónios Adega Mateus Nicolau de Almeida e Quinta do Monte Xisto e Mateus Nicolau de Almeida  | Museu do Côa  Inscrições na Fundação do Côa
28 | SEXTA FEIRA 21H30 | Noite de Fado Fozcoense NOITE DE FADO FOZCOENSE  Auditório do Centro Cultural  
29 | SÁBADO 09H00 | XI Torneio de Karaté das Amendoeiras em Flor 2020 Pavilhão Gimnodesportivo 11H00-13H00 | 14H30-20H00 | Aqui Portugal - RTP
Av. Gago Coutinho e Sacadura Cabral 14H30 | Jogar com Tradição – Jogo da Malha e Torneio da Sueca Ass. Amigos de Murça – Murça
 14H30 | Passeio pela História, Sentir o Local Castelo de Numão –  J.F. de Numão  14H30 | XXXIV Festival de Folclore | Coreto Parque de St. António R.F. de Vila Nova de Foz Côa – Associação de Cultura Popular R.F. de Alcaria, Alcaria, Fundão R.F. de "Os loureiros de Lordosa", Castelo Branco R.F. de "Danças e Cantares de Raiz do Monte" de Vila Pouca de Aguiar 16H15 | Master Chefe - À Mesa com a Amêndoa  Com o Chef Emanuel Cunha e Tia Cátia CLDS4G | Auditório do Centro Cultural  21H45 | BÁRBARA BANDEIRA  Praça do Município  23H00 | DJ WILSON HONRADO Praça do Município

 MARÇO  1 | DOMINGO Feira Franca  09H30 | Um Percurso, Dois Patrimónios -Percurso Pedestre entre Muxagata e Ribeira de Piscos  | Museu do Côa Inscrições na Fundação do Côa
 6 | SEXTA FEIRA 21H45 | Sarau Cultural do Agrupamento Vertical de Escolas Auditório do Centro Cultural 
 7 | SÁBADO 09H00 | Caminhada “Do Pelourinho ao Museu de Ervamoira“ Junta de Freguesia de Muxagata 
 14H30 | Atuação da Banda Musical de Freixo de Numão
Coreto do Parque de St. Atntónio  17H00 | Olhares Cativos
Fundação do Côa | Museu do Côa  21H45 | CAROLINA DESLANDES
Praça do Município
 8 | DOMINGO  14H30 | Desfile Etnográfico 21H30 | ROUXINOL FADUNCHO  Praça do Município  23H00 | Fogo de Artificio

Praça do Município  




Nenhum comentário: